Associação Educacional Labor
Notícias recentes

Fascículos

Fasciculos

Projetos em Realizados

 

Projeto "Fique Ligado 2007" - Uso eficiente da Energia

Parceiro: AES Eletropaulo

 

Esse projeto foi idealizado para capacitar 240 educadores de escolas públicas para que desenvolvam projetos próprios capazes de levar seus alunos a compreender conceitos, a atuar na prática e demonstrar atitudes necessárias para um uso mais consciente da energia elétrica, principalmente quanto a questões de segurança, eficiência e economia.

 

O projeto foi realizado em duas etapas: 2007 e 2008
Na 1ªetapa, 2007, capacitamos 120 professores. Na 2ª etapa (de fevereiro a setembro de 2008), capacitamos 132 educadores diretamente de escolas públicas estaduais da região sul de São Paulo, para que desenvolvessem projetos próprios capazes de levar seus alunos a compreender conceitos, a atuar na prática e demonstrar atitudes necessárias para um uso mais consciente da energia elétrica, principalmente quanto a questões de segurança, eficiência e economia, em sua região.

 

Resultados

Foram desenvolvidos 161 PPD's individuais e 135 professores dividiram-se em 43 grupos desenvolvendo projetos interdisciplinares em suas salas de aula.
As avaliações realizadas evidenciaram que o desenvolvimento do projeto trouxe grandes contribuições a um grupo significativo de educadores e educandos:

  • Maior integração, troca de experiências e informações entre os professores e educandos;
  • Professores refletindo sobre a sua prática pedagógica e buscando novos caminhos e estratégias, que favorecem o "pensar" e o "fazer";
  • Maior integração entre professor-aluno e escola-comunidade;
  • Apropriação das técnicas para realização de um diagnóstico da comunidade interna e externa;
  • Identificação do papel da Escola ante a temática apresentada e as intervenções pedagógicas necessárias para uma maior conscientização do uso eficiente e seguro da energia, bem como os cuidados para com o meio ambiente;
  • Aulas mais diversificadas e diferenciadas, unindo teoria e prática e estimulando o protagonismo juvenil;
  • Ampliação de perspectivas e caminhos para uma reorganização do currículo escolar;
  • Os projetos aplicados pelos professores oportunizaram momentos de reflexão e vivência dos assuntos abordados, favorecendo a mudança de atitude com relação ao uso seguro e consciente da energia;
  • Alunos mais atentos às problemáticas que envolvem sua comunidade;
  • Maior atenção e questionamento ante os conteúdos a serem abordados em sala de aula, que possam contribuir de fato para a realidade do aluno;
  • Mudança de atitude com relação ao uso da energia elétrica;
  • Diminuição do consumo energético das famílias dos alunos participantes no projeto;
  • Maior atenção para com as instalações elétricas;

Os educadores demonstraram alto grau de satisfação tanto pela metodologia empregada quanto pelos conteúdos desenvolvidos e resultados obtidos que impactaram na participação e na construção de conhecimentos dos alunos.

 

Projeto "Capacitação de Educadores Municipais do Baixo Sul da Associação Educacional Labor"

Parceiros:ODEBRECHT, AMUBS, IDES e LABOR

 

O projeto disponibilizou aos 10 municípios do Baixo Sul da Bahia uma proposta (alternativas, estratégias e instrumentos) para os docentes desenvolverem nas escolas, práticas pedagógicas que melhorem a qualidade do ensino, facilitando ao mesmo tempo o caminho da democratização social e da apropriação pública de canais institucionais para processos de interação com os jovens e a comunidade.

Para isso, a Labor propôs um processo de educação continuada em serviço, envolvendo apoio pedagógico a 250 docentes efetivos de escolas públicas de municípios do baixo Sul da Bahia, com o objetivo de melhorar a aprendizagem dos alunos e sua integração social. Esse processo poderá se estender às demais escolas interessadas, pois o projeto se realiza através da capacitação de uma Equipe Local de formadores composta por docentes e / ou educadores (3 por município, totalizando 26 formadores, apenas Maraú ficou com 2 multiplicadores).

 

Resultados

  • Concluintes do Curso: 212 professores e 25 Multiplicadores
  • Projetos Desenvolvidos: 388
  • Escolas Participantes: 91
  • Alunos Beneficiados: 10.000 (considerando-se 40 alunos por professor)

 

Nas Escolas:

  • Melhoria nas relações interpessoais (entre alunos e destes com os educadores);
  • Valorização das potencialidades dos alunos e dos educadores;
  • Troca de experiências entre as escolas;
  • Participação mais efetiva da Comunidade Local na escola;
  • Maior reconhecimento do trabalho da escola pela Comunidade
  • Maior envolvimento com a vida extra-escolar dos alunos.

 

Nos Professores:

  • Maior envolvimento com os alunos;
  • Reconhecimento das potencialidades e habilidades dos alunos;
  • Planejamento do trabalho considerando as necessidades dos alunos, visando seu sucesso;
  • Elaboração de Projetos atendendo as expectativas e necessidades dos alunos;
  • Atuação com metodologias mais ativas, considerando os alunos como co-autores do processo;
  • Capacidade de serem autores de seus projetos e de sua metodologia;
  • Possibilitam maior expressão dos alunos nas aulas;
  • Percepção da necessidade de pesquisa e estudo;
  • Passam a ter atitudes de maior colaboração com alunos, escola e a comunidade.

 

Nos alunos:

  • Melhoria nas relações interpessoais; maior demonstração de afetividade;
  • Passam a ser mais parceiros das escolas, preservando melhor o patrimônio;
  • Maior interesse pela escola, professor e atividades;
  • Aumento na participação das aulas e atividades escolares;
  • Sentem maior segurança em defender seu ponto de vista;
  • Propõem atividades e alternativas para resolução de problemas da escola e da comunidade.
  • Demonstram maior interesse pelas tarefas escolares e as de casa;
  • Reconhecem o potencial dos colegas durante a realização e apresentação das atividades;
  • Desenvolvem maior senso de responsabilidade;
  • Diminuição dos episódios de indisciplina nas salas de aula e na escola;

 

Na Comunidade Local:

  • Aumenta o número de pessoas que reconhecem a importância da escola;
  • Reconhecimento da escola como aliada para resolução dos problemas comunitários;
  • Preocupação de maior número de pessoas em resolver problemas que afetam a escola;
  • Sentem-se valorizados pela escola, à medida que esta realiza diagnóstico para definição de propostas;
  • Percebem maior e melhor receptividade pelos educadores da escola.

 

Projeto "Escrevendo Nossa História com os Alunos"

Parceiro: ENGEFORM

 

O Projeto "Escrevendo Nossa História com os alunos" ofereceu condições para que 15 professores, da EMEF. Engenheiro José Amadei, pudessem elaborar, desenvolver, avaliar e registrar projetos próprios, atendendo os alunos de suas unidades escolares, com aprendizagem significativa. Para isso, foi desenvolvido um trabalho pedagógico:

  • que valorizasse a participação dos educandos e de suas famílias no processo educativo, ressaltando a importância de um melhor conhecimento entre alunos, professores e comunidade para desfazer equívocos e desenvolver um clima de harmonia na relação comunidade - escola;
  • que mostrasse as vantagens de um trabalho pedagógico ativo;
  • que incentivasse o professor para uma reflexão sobre os problemas, buscando possíveis causas e formulando hipóteses de soluções

 

Resultados

Melhor rendimento escolar dos 800 alunos

13 Professores elaboraram, aplicaram, avaliaram e registraram projetos didáticos durante o ano todo;
13 professores passaram a trabalhar com teoria e prática, motivando mais os alunos;
13 cadernos de experiências.

 

Projeto "Passaporte Para O Sucesso" Apoio pedagógico e aopio à Gestão

Parceiro: Gerdau Aços Longos S/A


O Projeto "de apoio à gestão e apoio pedagógico" possui dois objetivos, a formação continuada dos seguintes personagens

 

Gestores, professores coordenadores, funcionários, representantes de pais e alunos
Busca a construção de uma escola de qualidade, caracterizada por sua natureza inclusiva e voltada à aprendizagem das competências e habilidades e conhecimentos necessários para a vida cidadã. A partir de reuniões de fortalecimento do grupo, um grupo tarefa é formado e capacitado para fazer o diagnóstico da Escola e sua comunidade escolar, eleição de prioridades, planos de ação e revisão do Projeto Pedagógico da Unidade Escolar.

 

Professores
Visando uma melhor atuação em sala de aula. A partir do diagnóstico, os professores são incentivados a elaborar, desenvolver, avaliar e registrar projetos próprios, para seus alunos. Em todo o processo é valorizada a participação dos educandos e de suas famílias no processo educativo, ressaltando a importância de um melhor conhecimento entre alunos, professores e comunidade para uma ação integrada e mutuamente responsável.

 

Observação:
Esse projeto foi interrompido no inicio de 2009, devido ao corte dos repasses. Foram investidos somente R$ 115.480,00 do total, e havendo recursos residuais em caixa no valor de R$ 24.021,13; os mesmos forem remanejados para o projeto "O Coordenador como Motivador"

 

Projeto "O Coordenador como Motivador" Apoio pedagógico e
Apoio à Gestão para Coordenadores

Parceiro Gerdau Aços Longos S/A


Oferecer subsídios aos 32 professores coordenadores para que elaborem e implementem um Plano Anual de capacitação dos professores focando as habilidades e competências que os alunos precisam adquirir, visando aumentar os índices do IDESP (índice de Desenvolvimento da Educação do Estado de São Paulo) e SARESP 2008.

 

Resultados esperados

  • Multiplicação da metodologia visando a capacitação de pelo menos 800 professores que atuarão com foco na nova Proposta Curricular do Estado de São Paulo

 

Projeto "Diálogo" Interno do grupo de Voluntariado.


O Projeto Diálogo tem por objetivo criar alternativa de uma educação integral e integrada de alunos que frequentam a Escola Pública e outras Organizações complementares em contra turno escolar na região de Brasilândia.

Iniciado em 2004 o projeto capacitou capacitados 6 gestores e 40 educadores de uma escola Pública Municipal, uma creche e Associação de Bairro.

Esta capacitação proporcionou a implementação de uma proposta educacional integrada, participativa e dialógica para seus alunos.

 

Resultados alcançados em 2009
Elaboração do plano de multiplicação da Proposta Labor e apoio na aplicação desse plano

 

Projeto "Pólo Sul" Interno do grupo de Voluntariado.

 

Projeto "de apoio à gestão e apoio pedagógico" realizado na Escola Francisco Roswell desde 2006 por um técnico Labor que assumiu a direção desta escola. Vem sendo continuado de forma voluntária pelos técnicos multiplicadores (coordenadores e direção da escola que foram capacitados)

 

Resultados esperados

  • Elaboração, aplicação, avaliação e registro de projetos didáticos no decorrer do ano
  • Multiplicação da metodologia para outros professores
  • Elaboração dos cadernos de experiências

 

Projeto "Baixo Sul da Bahia" Projeto do Grupo de Voluntariado


Projeto de continuidade ao realizado no baixo Sul da Bahia, iniciado em 2006 e que teve a parceria com a Odebrecht. Visa dar assessoria e supervisão aos formandos, como multiplicadores para a metodologia da labor na região; objetivando assim criar uma rede de troca de experiências entre os educadores

 

Observação:
Esse projeto foi interrompido após 3 meses devido ao remanejamento de alguns multiplicadores o que ocasionou dificuldades na participação das atividades.

 

Projeto: "Educação: Transporte Seguro"

Parceiro: Aliança Navegação e Logística Ltda.

 

O Projeto "Educação: transporte seguro" proporcionou a 120 educadores (gestores e professores) das escolas públicas da Secretaria Municipal de Santos e Guarujá, formação em serviço, para que refletissem e mudassem suas práticas, tornando-se capazes de garantir a aprendizagem de todos os alunos de suas escolas.

 

Resultados Professores:

  • 95% dos educadores planejaram suas aulas, considerando o interesse dos alunos (diagnóstico);
  • 95% dos educadores passaram a estudar e pesquisar mais;
  • 95% dos educadores estimularam a participação do aluno gerando o envolvimento pelo incentivo aos talentos dos alunos;
  • 100% educadores declararam ter cumplicidade e confiança com alunos;
  • 72% dos alunos apresentaram resultados satisfatórios na aprendizagem;
  • 100% dos educadores atuaram como autor de sua prática, planejando,registrando seu trabalho, valorizando seu poder de criação.
  • 95% dos educadores fizeram uso de recursos para aprimorar o ensino;
  • 95% dos educadores alternaram suas atividades entre teoria e prática;
  • 80% dos educadores declararam ter adquirido ousadia para criar e diversificar seu ensino;
  • 80% educadores declararam ter uma relação mais afetuosa e respeitosa com os outros segmentos (pais, alunos, funcionários e gestores).

 

Resultados Alunos:

  • 95% dos alunos tiveram aulas planejadas considerando o seu interesse;
  • 95% dos alunos passaram a ter professores que estudam e pesquisam mais;
  • 95% dos alunos foram estimulados à participação, envolvidos pelo incentivo aos seus talentos;
  • 100% dos alunos passaram a ter a cumplicidade e confiança de seus educadores;
  • 72% dos alunos apresentaram resultados satisfatórios na aprendizagem;
  • 100% dos alunos foram beneficiados por projetos de autoria de seus educadores e presenteados com a criatividade dos mesmos.
  • 95% dos alunos foram beneficiados pelo uso de recursos para aprimorar o ensino;
  • 95% dos alunos foram beneficiados por aulas com alternância entre teoria e prática;
  • 80% dos alunos foram beneficiados pela ousadia de seus educadores em criar e diversificar seu ensino;
  • 80% dos alunos passaram a receber um tratamento mais afetuoso e respeitoso por parte de seus educadores.

 

Projeto "Gestão escolar: realizando sonhos"

Parceiro Fundação Itaú Social

 

O projeto "GESTÃO ESCOLAR: REALIZANDO SONHOS" germinou a partir de uma série de iniciativas independentes oriunda de pessoas vinculadas ao sistema público de ensino, à entidade financiadora e à equipe de gestores e educadores da Labor. De um lado, havia a demanda do sistema de ensino procurando por soluções e ferramentas na aplicação efetiva dos instrumentos legais e das referências teóricas sobre gestão escolar. De outro lado, havia a disposição do financiador em investir em Diadema, especialmente na transformação das causas que limitam a oferta pública de ensino de qualidade. Por fim, apresentava-se à Labor o desafio de multiplicar, numa escala mais ampliada, o conhecimento e a aplicação das ferramentas que desenvolvera, passando do atendimento a algumas escolas para um trabalho junto a um universo maior de escolas, através dos seus gestores.

 

Objetivo

Capacitar 107 educadores para a (re) construção do Projeto Político Pedagógico, elaboração do plano de gestão (2005-2008) e revisão dos planos de ensino, consolidando mecanismos de gestão inclusiva de professores, funcionários e comunidade, visando escolas com ensino de qualidade.

 

Resultados Obtidos

  • domínio de técnicas de sensibilização do ator coletivo escolar no processo de responsabilização, definição de papéis e atribuições, tomada de decisão, avaliação e integração da gestão pedagógica com a gestão operacional/ institucional;
  • apropriação de referências e técnicas para ampliar os mecanismos de diagnóstico da realidade escolar, incluindo o conselho escolar na análise e proposição de medidas gerenciais;
  • maior entendimento do Projeto Político Pedagógico e Plano de Ação anual como ferramentas da ação administrativa na escola;
  • aprofundamento da noção de planejamento em toda a cadeia do sistema de ensino público do município de Diadema;
  • visão integradora das ofertas de capacitação e formação dos diferentes projetos na área pedagógica da Secretaria de Educação;
  • aumento da percepção crítica dos diferentes papéis dos atores e segmentos da gestão do ensino municipal;
  • maior percepção das categorias básicas o projeto pedagógico tais como: concepção pedagógica, prática pedagógica, eixos e grades curriculares, avaliação de ensino-aprendizagem, monitoramento da gestão escolar e estrutura operacional da escola;
  • aumento geral do comprometimento com a educação de qualidade para a inclusão social.

 

Projeto "Colaborar e Crescer com Diadema"
Apoio pedagógico e apoio à gestão

Parceiro - WCF da Alemanha - Fundação Itaú


Esse projeto tem como foco desenvolver ao máximo todo o potencial da escola para apoiar alunos e suas famílias no desenvolvimento pleno de sua cidadania, ampliando sua capacidade de superar várias das circunstâncias que os tornam mais vulneráveis a situações de violência social e pessoal. Através da metodologia com base na ação/reflexão/ação, serão discutidas e aplicadas mudanças na prática pedagógica, fortalecendo processos participativos de decisão e gestão com amplo envolvimento da comunidade.

 

Objetivo

Melhorar o desempenho dos alunos sob os aspectos de conhecimento escolar, cidadania e competências básicas para a vida moderna, contribuindo para a inserção social dos mesmos.

 

Resultados Obtidos

  • Cerca de 70% dos alunos das escolas envolvidas apresentam melhor desempenho escolar, maior interesse na aprendizagem e maior potencial de integração social.
  • 2 Projetos Pedagógicos elaborados e colocados em prática, por representantes da comunidade escolar.
  • 4 planos de ação elaborados, executados e registrados , a partir de problemas identificados no diagnóstico participativo e priorizados pelo coletivo da escola.
  • 36 educadores com uma ação pedagógica transformada, capazes de aplicar na prática de seu dia-a-dia as reflexões e os valores discutidos e assumidos como relevantes para o sucesso das crianças, tanto do ponto de vista escolar como social e pessoal.
  • Cerca de 30 Pequenos Projetos Didáticos implementados, avaliados, documentados e reproduzidos para divulgação na forma de Cadernos de Experiências.
  • 2 diretores e 2 coordenadores das escolas, potencializadas para um desempenho mais efetivo junto a alunos e comunidade.
  • Secretaria Municipal de Educação fortalecida, com 2 técnicos formados na ação, ampliando sua experiência e capacidade de atuação.

 

Projeto "Formação de Gestores"
Proposta Labor de Apoio à gestão

Parceiro Coordenadoria Municipal de Educação Subprefeitura Jaçanã/Tremembé

O projeto "Formação de gestores" vem apoiar a Coordenadoria de Educação, promovendo a formação de cerca de 40 educadores (diretores, assistentes, supervisores e técnicos da equipe da oficina pedagógica), representantes de 10 Escolas, para que os mesmos liderem nas unidades escolares, sob sua responsabilidade, processos participativos, visando a (re) elaboração dos Projetos Pedagógicos, Planos de Gestão e Planos de ensino.

 

Objetivo

Fortalecimento do Grupo de Gestores
Disponibilizar técnicas e instrumentos para orientar os processos participativos: diagnóstico, planos de ação, Projeto Pedagógico e Plano de Gestão elaborados pelo coletivo das comunidades escolares.

 

Resultados Obtidos

  • 10 Projetos pedagógicos (re)visitados, de 10 Unidades escolares
  • 85% dos gestores preparados para realizarem, em suas unidades escolares, processos participativos;
  • 10 Escolas passaram a se relacionar melhor, com suas comunidades.

 

Projeto "Re-Creio"

Parceiro Instituto C&A

 

Esse projeto contemplou a elaboração, aplicação e sistematização da Proposta Labor, de apoio à gestão : Gestão Estratégica Participativa (GEP). A proposta foi aplicada em 4 Escolas de São Paulo.

 

Objetivo

Desenvolver, sistematizar e criar condições para a disseminação de uma proposta metodológica capaz de proporcionar gestão escolar estratégica e participativa em escolas públicas, desde o diagnóstico até a execução dos Projetos Pedagógicos;
Formar um grupo associativo de gestores (diretores, coordenadores, supervisores) que fossem nos dois anos do projeto, acompanhando a implementação da gestão estratégica participativa, em pelo menos 4 Escolas, fortalecendo os membros desse grupo, para que disseminem o processo em suas unidades escolares;
Formar mediadores para processos participativos, nas escolas públicas.

 

Resultados Obtidos

  • Proposta de apoio à gestão elaborada e testada (Fascículo: Gestão Estratégica Participativa);
  • 4 Escolas elaboraram seus Projetos Pedagógicos, Planos de Gestão e planos de Ação de forma participativa , com representantes de todos os segmentos escolares;
  • Formou-se um grupo de gestores (diretores e supervisores) que acompanhou todo o processo, e que disseminou a proposta nas escolas, sob sua responsabilidade.

 

Projeto "(RE) Construção dos Projetos Pedagógicos
da Diretoria Sul 3, de forma participativa

Parceiro Diretoria de Ensino da Região Sul 3


Esse projeto capacitou 10 diretores, para serem mediadores na formação dos 100 diretores da Sul 3, na (re) construção dos Projetos Pedagógicos de suas respectivas unidades escolares, visando melhoria nos serviços oferecidos. O Projeto Político Pedagógico tem a ver com a organização da escola como um todo e como organização da sala de aula, incluindo sua relação com o contexto social imediato. Buscar uma nova organização para a Escola de forma realmente participativa, constitui uma ousadia para os educadores, pais, alunos, funcionários e comunidade. O Projeto Político Pedagógico visa uma qualidade de todo o processo vivido e o diretor é o grande articulador desse processo. Esse projeto foi previsto para duas fases, mas só realizamos a primeira fase.

1ª fase apresentou 5 etapas

  1. Fortalecimento do grupo - março a julho
  2. Sensibilização - agosto/setembro/outubro
  3. Diagnóstico - novembro
  4. Planos de Ação
  5. Instrumentos de Acompanhamento.


Objetivo

(Re) Construir o PPP das escolas da Sul-3 de forma participativa, buscando aprimorar a qualidade de ensino e transformar as escolas em lócus de cidadania.

 

Resultados Obtidos

  • Estreitamento das relações de cerca de 60% Escolas com suas comunidades.
  • Participação de 75% dos diretores, de uma forma mais efetiva na (re) construção dos projetos pedagógicos das escolas.
  • 60% dos diretores se sentem mais seguros, para trabalhar com a comunidade;
  • 90 diretores, instrumentalizados para fazer o diagnóstico participativo e planos de ação.

 

Projeto "Fique ligado" o uso consciente da energia
"Formação de Educadores"

Parceiro AES ELETROPAULO

O Projeto "FIQUE LIGADO" o uso consciente da energia capacitou 60 educadores diretamente e 74 indiretamente, de 9 escolas públicas estaduais da região sul de São Paulo, para que desenvolvessem projetos próprios capazes de levar seus alunos a compreender conceitos, a atuar na prática e demonstrar atitudes necessárias para um uso mais consciente da energia, principalmente quanto a questões de segurança, eficiência e economia, em sua região.
A Eletropaulo apoiou essas ações e participou ativamente de todo o processo, especialmente pelo fornecimento de subsídios às atividades de pesquisa, disponibilizando dados e sugestão de soluções nas áreas de sua competência, para os educadores das escolas envolvidas. Enriqueceram o projeto, com seminários e 3 visitas dos professores às instalações da Eletropaulo.


Objetivo

Envolver as equipes das escolas, em projetos próprios sobre eficiência energética, atingindo 3000 alunos diretamente;
Contribuir com a formação continuada das equipes de direção (coordenadores pedagógicos e diretores ou vice-diretores) para que incentivem/apóiem seus professores, nos trabalhos com projetos relacionados a temas da realidade local;
Capacitar professores para que elaborem, apliquem, avaliem e registrem projetos sobre eficiência energética;
4050 alunos envolvidos em 41 projetos sobre eficiência energética desenvolvidos, elaborados, implementados e registrados.
Maior consciência do uso da energia nas escolas e em muitos domicílios da região. Uma das Escolas (Clarice Seiko), estipulou e atingiu a meta de diminuir o consumo de energia da Escola durante o 2º semestre em 2.

 

Escolas Participantes

  1. E.E. REVERENDO ERODICE PONTES DE QUEIROZ
  2. E.E PROFª CLARICE SEIKO IKEDA CHAGAS
  3. E.E. FRANCISCO ROSWELL FREIRE
  4. E.E. PAULINO NUNES ESPOSO
  5. E.E. PROFª BELKICE MANHÃES REIS
  6. E.E. PROF. CANDIDO DE OLIVEIRA
  7. E.E. CHACARA DAS CORUJAS
  8. E.E. JOÃO DA SILVA
  9. E.E. DEPUTADO AURELIO CAMPOS


Resultados Obtidos

  • 9 escolas envolvidas em projetos próprios sobre eficiência energética, atingindo 4050 alunos diretamente, e indiretamente 1300
  • 9 equipes de direção (9 coordenadores pedagógicos e 9 diretores ou vice-diretores) melhor preparadas para trabalhar com projetos relacionados a temas da realidade local.
  • 41 Professores elaboraram, aplicaram, avaliaram e registraram projetos sobre eficiência energética
  • 4050 alunos envolvidos em 41 projetos sobre eficiência energética desenvolvidos, elaborados, implementados e registrados.
  • Maior consciência do uso da energia nas escolas e em muitos domicílios da região. Uma das Escolas (Clarice Seiko), estipulou e atingiu a meta de diminuir o consumo de energia da Escola durante o 2º semestre em 20%.

 

Resultados Observados pelos Professores QUANTO AOS ALUNOS

  • Alunos mais críticos e participativos;
  • Mais observadores e atentos às questões do uso da energia;
  • Mais cuidadosos com relação ao lazer com relação ao alto consumo de energia, e segurança (pipas, balões);
  • Adquirem e passam a fazer uso de um novo repertório: ligações clandestinas, conta social, fontes renováveis e não renováveis de energia, eficiência energética, etc.

 

QUANTO AOS PAIS

  • Pais questionam os professores com relação às atitudes dos filhos, que estão mais "controladores" em casa com relação à energia;
  • Os filhos andam "fiscalizando" mais em casa o número de luzes acesas, tempo no chuveiro, instalações elétricas;
  • Desperta o interesse pela regularização das ligações clandestinas.

 

QUANTO AOS FUNCIONÁRIOS

  • Estão mais atentos aos gastos energéticos da Escola;
  • Questionam o fato da Escola passar o dia todo com as luzes acesas;
  • Passam a contribuir para evitar o desperdício de energia.


Projeto "Água viva, Viva Água"

Apoio aos projetos das escolas em regiões prioritárias

Parceiro SABESP

Através de atividades e materiais que despertam o interesse, mobilizam e apoiam professores do ensino fundamental, criar condições para que eles desenvolvam projetos próprios capazes de levar seus alunos a compreender conceitos, a atuar na prática e a demonstrar atitudes necessárias para a superação das questões socioambientais de seu meio, em especial aquelas relacionadas à água.

 

Escolas envolvidas:
Foram selecionadas 14 escolas da região do Ipiranga e do Sacomã.

 

Número de participantes:
20 gestores e 60 professores

 

Resultados Obtidos

  • 16 escolas envolvidas em projetos próprios sobre água / Meio Ambiente, com respectivas equipes;
  • 20 educadores (entre diretores e coordenadores) participaram de 4 reuniões e 3 encontros;
  • 60 professores participaram dos encontros previstos;
  • 261 professores envolvidos pelos educadores das Escolas que desenvolveram o Projeto;
  • 8.317 alunos e suas famílias se envolveram nos trabalhos, levando a uma maior consciência ambiental e conhecimento da Sabesp;
  • 2 técnicas do NAE participaram ativamente do Projeto, com maior capacidade para orientar educadores com relação a projetos sobre água / MA;
  • Método: utilização de técnicas do GEP;
  • Grande material de divulgação.